Marketing para E-commerce: 5 estratégias que empresas deveriam considerar

O número de concorrentes e produtos cresceu nos últimos anos, tornando mais difícil para as marcas se destacarem

As compras online ganharam tanta relevância nos últimos dois anos que levaram a um aumento significativo no número de e-commerce e vendas online no Brasil. A pandemia foi, sem dúvida, o fator impulsionador desses novos hábitos e formas de comprar e vender. Somente no primeiro semestre de 2022, o e-commerce atingiu quase R$ 120 bilhões em vendas, um crescimento de 6% em relação ao mesmo período de 2021, segundo relatório elaborado pela Nielsen Q|Ebit, em parceria com o Bexs Pay .

Outro estudo, do CupomValido, mostra que o Brasil tem uma expectativa de crescimento duas vezes maior que a média global, superando países como Japão (14,7%), Estados Unidos da América (14,55%) e França (11,68%). %). Estima-se que o Brasil crescerá 20,73% ao ano, deste ano até 2025. ,

Porém, sabemos que vender online não é uma tarefa fácil. A Internet tornou-se cada vez mais uma ferramenta influente na jornada de compra do consumidor, capacitando o consumidor com a possibilidade de consultar produtos, comparar preços e coletar informações antes de tomar sua decisão de compra. Além disso, o número de concorrentes e produtos semelhantes também cresceu, tornando mais difícil para as marcas se destacarem.

Se você é uma marca internacional que ainda não é conhecida no Brasil, o desafio é ainda maior. Você não só vai precisar entender sobre e-commerce, mas também entender como é a forma correta de se comunicar com os brasileiros. É por isso que trabalhar com e-commerce exige uma dedicação especial ao marketing e à comunicação para conseguir atrair leads e convertê-los em infoclientes.

Neste artigo, falaremos sobre 5 principais estratégias que você deve considerar em sua estratégia para melhorar o conhecimento e as vendas.

1. Reputação e Identificação de Marca

Quando os consumidores se identificam com sua marca, eles tendem a criar confiança, o que os motiva a comprar e até, em alguns casos, advogar em seu nome. Uma pesquisa realizada pela KPMG sobre fidelização de clientes mostrou que as pessoas conversam entre si sobre as experiências de compra. 66% dos consumidores dizem que deixariam uma avaliação positiva após uma ótima experiência e 86% recomendam marcas para amigos e familiares.

Ainda que o foco principal dos e-commerces seja a conversão, tenha em mente que você não terá sucesso se focar apenas nesse objetivo. Conscientizar e engajar seu público-alvo é muito importante para aumentar suas vendas, pois amplifica o volume de tráfego direto para o site – quando o usuário procura o nome da sua marca na internet.

As redes sociais como Facebook, Instagram, Pinterest e Tik Tok são os principais canais de divulgação de produtos e conteúdos para fortalecer a imagem e notoriedade da sua marca. Você não precisa estar presente em todos eles, você tem que entender primeiro onde está seu alvo potencial.

Construa uma estratégia que considere o topo do funil, levando as pessoas a conhecer mais sobre sua marca, produtos e seus benefícios, diferenciais, atributos e, principalmente, como a marca se conecta com a pessoa do outro lado da tela.

2. Trabalhe com Inbound e Outbound Marketing

Ambas as estratégias visam novos clientes oferecendo soluções para suas necessidades e desejos. A principal diferença é que o Inbound Marketing atrai os consumidores com conteúdos relevantes em cada etapa do funil e o Outbound Marketing atrai os consumidores de forma mais ativa por meio da publicidade tradicional.

Inbound Marketing – você pode desenvolver conteúdos para atrair, engajar e fidelizar o cliente, atingindo suas principais necessidades e interesses. Por exemplo, se você tem uma loja de roupas, por exemplo, pode criar conteúdos com dicas e tendências de looks posicionando seu negócio como referência no mercado de moda. Esses conteúdos podem ser desenvolvidos para diversos canais em diversos formatos, como: artigos para blogs, postagens em redes sociais, e-mail marketing, vídeos para Youtube, etc. O importante é entender onde está seu target e como ele gosta de se comunicar .

Outbound Marketing – quando o assunto é e-commerce, nada melhor do que trabalhar em soluções digitais para suas estratégias de outbound. Google Ads e Facebook Ads são as ferramentas mais populares para mídia paga, mas você também pode explorar outros canais como: Tik Tok Ads, Pinterest Ads, Mercado Livre Ads e Amazon Ads. A chave do sucesso aqui é trabalhar muito bem na segmentação do target da sua marca para atingir as pessoas certas na hora certa.

3. O E-mail Marketing não morreu

Você pode pensar que o e-mail está se tornando uma coisa do passado, mas você está completamente errado. O Gmail, por exemplo, tem mais de 1 bilhão de usuários ativos em todo o mundo e todos ainda usam e-mail. Então, trabalhar com e-mail marketing com certeza é uma ótima estratégia. Você pode trabalhar com newsletters, e-mails transacionais pós-venda, informar sobre novidades e promoções, pesquisas de satisfação, etc.

Para começar, você precisará de uma base de contatos inicial para trabalhar. Mas lembre-se de que a pessoa precisa lhe dar permissão para enviar o e-mail. Não use ou compre listas que não sejam suas. Isso é proibido pela LGPD – Lei de Proteção de Dados – e aumenta as chances de seu e-mail virar SPAM. Você deve adotar métodos legais para obter os e-mails de clientes em potencial, como pop-ups, e-books e outros materiais e ferramentas que solicitarão informações de seus clientes (e-mail, telefone, etc).

Em termos de conteúdo, você deve considerar alguns pontos importantes para uma estratégia de sucesso:

  • Invista em conteúdo atraente e segmentado
  • Tente enviar e-mails com títulos curtos e diretos ao ponto
  • Frequência moderada (uma/duas vezes por semana)
  • Design personalizado e atraente – fácil de ler
  • Meça sempre os resultados e otimize sua base de leads

4. SEO é estratégia chave para se tornar relevante

Search Engine Optimization ou SEO consiste em um conjunto de técnicas e otimizações para sites, blogs e páginas da web que visam melhorar o posicionamento orgânico em buscadores como o Google, gerando tráfego e autoridade digital.

Funciona relacionado a uma boa Experiência do Usuário (EU). Ou seja, ao digitar sua pergunta no buscador, o usuário sempre verá nas primeiras posições os sites e blogs que tiverem a melhor resposta em termos de conteúdo e desempenho da plataforma. É por isso que investir em blogs no seu e-commerce, por exemplo, pode ser muito útil para um melhor ranqueamento da sua marca. Outras coisas importantes a considerar ao construir seu site que podem ajudar muito no seu ranking:

  • Escolha estratégica de palavras-chave – pense em todas as palavras que as pessoas podem usar para procurar seu produto, nomes de concorrentes e frases que eles podem usar.
  • Tenha uma página de URL limpa
  • Aposte em um design clean e interativo do seu site
  • Trabalhe em links internos em postagens de blog
  • Verifique o tempo de carregamento da página

5. Remarketing que te segue onde quer que você vá

Outra estratégia de marketing eficiente é o remarketing (ou retargeting), pois eles exibem anúncios para usuários que já interagiram com seu e-commerce, mas não finalizaram a compra.

O sistema identifica esses consumidores e produtos que eles visualizaram, reapresentando-os por meio de conteúdo pago no Google Ads ou Facebook Ads. Isso ajuda o consumidor a lembrar da sua marca e aumenta as chances de finalizar a compra.

Também é uma excelente estratégia para recuperar carrinhos abandonados. Para isso, as marcas apostam em dar alguma vantagem ao cliente – como descontos – caso ele volte e compre o produto.

É importante que sua estratégia de remarketing considere a etapa do funil, criando campanhas mais assertivas para cada target, conversando diretamente com suas necessidades e desejos.

Estas são algumas das estratégias de marketing que irão ajudá-lo a construir confiança e aumentar suas vendas de comércio eletrônico. Se você é uma empresa internacional procurando estabelecer suas vendas online no Brasil, a Novatrade pode ajudá-lo a construir a estratégia de marketing certa para o seu negócio. Fale com nossos especialistas.

Posts Similares

Fale com nossos especialistas e saiba como podemos ajudar sua empresa a crescer e prosperar no Brasil.

Por favor, conte-nos sobre seu projeto para receber retorno.